• Canonizar = declarar santo, endeusar

Para acessar o conteúdo deste estudo em PDF, basta clicar na imagem ao lado.

 

Canonizar = declarar santo, endeusar

A maior canonização de todos os tempos, foi a do IMPERADOR ROMANO CONSTANTINO com o nome JESUS CRISTO, cujas primeiras imagens dele fabricadas, em forma de CRUCIFIXOS, traziam no rosto os traços e feições do IMPERADOR BIZANTINO. E o falso profeta (O PODER RELIGIOSO ROMANO) fez com que todos cultuassem a imagem da besta (animal). A BESTA é formada por todos os IMPÉRIOS que dominaram o mundo: BABILÔNIA, simbolizada pelo LEÃO; MEDOS-PERSAS, simbolizados pelo URSO, GRÉCIA, simbolizado pelo LEOPARDO, ROMA, o animal de aparência terrível, que traz consigo as características dos impérios anteriores, veja que, no quarto reino (IMPÉRIO), estão todas as qualidades dos que foram antes dele: esta besta (animal) tem, MANDIBULAS DE LEÃO, PATAS DE URSO, CORPO DE LEOPARDO, COM SETE CABEÇAS E DEZ CHIFRES, Ap 13=1 -4. Roma reuniu em si todo o mal e paganismo dos que foram antes dela.

Os PAPAS são os sucessores do IMPERADOR ROMANO, que foi fundador e PAPA (PAI) do CRISTIANISMO, e que reclamava a sua divindade dizendo ser filho dos deuses, e sumo pontífice, (sumo sacerdote – grande sacerdote). Do bojo do IMPÉRIO ROMANO nasceu a IGREJA IMPERIAL ROMANA. O concílio de Nicéia, no ano 325, foi presidido pelo fundador do CRISTIANISMO, o imperador romano Constantino, cujo propósito (espírito) continuaria o mesmo, roubar, matar e destruir. VEJA A HISTÓRIA DAS CRUZADAS E DA DIABÓLICA INQUISIÇÃO, ninguém pode negar a história, este espírito enganador tem levado a humanidade para a idolatria (adoração às imagens de esculturas), que é culto aos demônios, e também adoração (culto de louvor) ao imperador ROMANO, através da imagem e do nome que o representa “O CRUCIFIXO = JESUS CRISTO”.

Diz a história que, Constantino o Imperador romano, teve a visão de uma cruz no céu, e uma voz que lhe dizia; POR ESTE SINAL TÚ VENCERÁS, e ele foi, batalhou e venceu.

Mas, veja o leitor, que o sinal que Constantino viu (sinal da cruz) era o sinal de um instrumento usado pelo Império Romano para matar as pessoas consideradas malfeitoras diante da sociedade, o que tornava uma pessoa maldita. Mas, veja o que fez a Igreja Imperial Romana que CANONIZOU A CRUZ, e que agora já é chamada de SANTA CRUZ.

Se Ele tivesse sido enforcado, seria chamada (canonizada) de santa forca??? Também assassinatos, roubos, estupros, mentiras, foram CANONIZADOS DE (SANTA INQUISIÇÃO).

Todas as pessoas inteligentes sabem que onde está O SINAL DA CRUZ é como uma identificação de que é uma propriedade de ROMA, seja ela IMPERIAL OU RELIGIOSA, não importa, pois ROMA é sempre a mesma, não muda.

Roma canonizou (tornou santos, deuses, padroeiras e padroeiros) muitos assassinos, ladrões, bandidos da pior espécie. Na verdade, era o mesmo que canonizar O DIABO, pois, logo depois da canonização, as suas imagens eram fabricadas e colocadas nos altares para serem adoradas (veneradas) como santos, divindades, milagreiras, e que poderiam ouvir os pedidos a elas dirigidos.

Roma também não foi esquecida. Foi canonizada como A SANTA CIDADE ETERNA, a cidade que deu ao mundo o SALVADOR, “O IMPERADOR ROMANO COM O NOME DE JESUS CRISTO”, e assim o imperador Romano é adorado nos nossos dias, (A BESTA). O imperador Romano Constantino foi o fundador do Cristianismo, e é também a sua divindade máxima, absoluta. Constantino criou a igreja Imperial Romana, e esta o canonizou. O mundo Cristão está a prestar culto ao seu fundador, o Imperador Romano Constantino, através do nome Jesus Cristo.

Procure a verdade, e ela te libertará.

Vilson Lazarini

Artigos de Estudos

Estamos disponibilizando no site alguns artigos de estudos elaborados pela casa Testemunhas de Yahushua de Franca / SP

Para acessá-los, coloque o ponteiro do mouse sobre as imagens abaixo e click no elo do link de acesso aos textos.

Alimentando ou Saboreando a Palavra

A Capa Babilônica – Símbolo da maldição do pecado

Vale de Jaboque

Servindo o Altíssimo na Babilonia

O Parente Remidor

Imersão nas Águas - Batismo

Altar e Sacificio

Ser como Crianças

Um Olhar sobre Avraham e o Sacrifício de Yitzchak

A Chave de Davi

Compreendendo o Conceito de Justificação

A Religião como a Torre de Babel

Aguardando a Volta de Yahushua

Yahuh dos Exércitos

Saindo da Caverna e Indo para o Monte

Travessia do Yarden-Jordão

Estudo sobre Coração

O Perdão como Mandamento

Dois Filhos de Avraham, Duas Realidades Espirituais

t -01-03-2017 A Noiva e o Noivo